Ejaculação Preococe – O que Fazer?

Essa disfunção sexual atormenta homens e suas parceiras.

Entretanto, a ejaculação precoce é a mais comum das disfunções sexuais masculinas, nela o homem é incapaz de exercer controle sobre seu reflexo ejaculatório. Quando excitado, atinge o orgasmo rapidamente.

Qual o tempo de resposta orgásmica que define um homem como ejaculador precoce? Um autor definiu a ejaculação precoce como a ocorrência do orgasmo 30 segundos depois da introdução do pênis na vagina, um clínico prolongou esse critério para um minuto e meio, outro para dois minutos, enquanto um terceiro considera ejaculação precoce quando o orgasmo ocorre antes de dez impulsos.

Para os sexólogos americanos Masters e Johnson trata-se dessa disfunção se o homem atingir o orgasmo antes que sua parceira também o faça em mais de 50% das vezes.

Alguns desses homens ejaculam logo que se iniciam as carícias ou simplesmente ao ver a parceira se despindo. Muitos ejaculam antes ou imediatamente depois de introduzir o pênis na vagina da mulher, mas outros são capazes de alguns impulsos antes de atingir o orgasmo.

Contudo, a prematuridade não pode ser definida em termos quantitativos porque dificuldade nessa condição não está na verdade relacionada ao tempo. O que importa na ejaculação precoce não é que ocorra em dois ou cinco minutos, ou após cinco ou oito impulsos, ou ainda, antes que a mulher atinja o orgasmo.

O aspecto fundamental é a ausência de controle voluntário sobre o reflexo ejaculatório. Por alguma razão o homem que ejacula rapidamente nunca aprendeu a focalizar sua atenção nas sensações que anunciam o orgasmo e por isso não adquiriu o controle voluntário adequado.

A ejaculação ocorre como um reflexo quando o homem atinge um nível intenso de excitação sexual. Considera-se que o controle ejaculatório está estabelecido quando o homem pode tolerar os elevados níveis de excitação da fase de platô (fase de máxima excitação), sem ejacular como reflexo.

A capacidade do homem de controlar sua ejaculação é pré-condição para uma relação sexual mais plena para ele e sua parceira. Na melhor das hipóteses, a prematuridade restringe a sexualidade do casal e, na pior, é altamente destrutiva.

O tratamento da ejaculação precoce inclui exercícios destinados a aumentar a capacidade de controlar a intensidade da estimulação. “Os métodos que focalizam repetidamente a atenção do homem nas sensações que precedem o orgasmo são rápida e intensamente eficientes para conseguir a continência ejaculatória”.

Há exercícios que devem ser feitos com a colaboração da parceira, como o da técnica de compressão e outros que o homem faz sozinho durante a masturbação.

No método pare-reinicie, o homem se estimula até sentir que se aproxima o ponto de inevitabilidade ejaculatória. Para, então, o estímulo e permite que a excitação prossiga. Isso é repetido duas ou três vezes até, por fim, ejacular.

Dessa forma, a conexão entre os graus elevados de excitação e ansiedade pode ser rompida